16 de fevereiro de 2015

Far Cry 4 - Resumo.




E aí meus gamers e minhas gamers do blog, aqui é o Gabriel com uma pequena resenha.

Far Cry 4, jogo sensação do final do ano passado, conta história de um jovem que levando as cinzas de sua mãe para sua terra natal, acaba se envolvendo em uma guerra civil, de um lado o grupo rebelde Caminho Dourado, que luta pela libertação de kyrat (uma nação fictícia fortemente inspirada em locais da região Himalaia do Nepal) das mãos de um Ditador, Pagan Min, que  se denomina rei de kyrat e algumas situações é apresentado como um deus. Muitos mistérios rondam o país de kyrat, a morte do líder do caminho dourado e pai de Ajay, personagem principal do jogo, é um exemplo deles.
Durante jogo você precisara conquistar torres de radio e base militares para aos pouco ir libertando o país, utilizando de vários tipos de armamentos e automóveis, desde carros até jet-skis. O jogo utiliza uma temática adulta, contando com cenas de nudez e uso de substâncias alucinógenas, então cuidado ao jogar perto de crianças hehehe.
O estilo de jogo é o tradicional da franquia, primeira pessoa com um sistema escalável de leveis e habilidades e você também pode ‘’upar’’ seus armamentos, pratica essencial, pois com o passar do tempo o jogo fica da vez mais difícil.


Jogo disponível para PlayStation 4, PlayStation 3, Xbox One, Xbox 360 e PC


Informações chatas que ninguém entende, mas são importantes (hehehe):


·         Sistema Operacional: Windows 7 SP1, Windows 8/8.1 (Apenas versões de 64 bit)

·         Processador: Intel Core i5-750 @ 2.6 GHz ou AMD Phenom II X4 955 @ 3.2 GHz
Memória: 4 GB

·         Placa de Vídeo: NVIDIA GeForce GTX 460 ou AMD Radeon HD5850 (1GB VRAM)
Direct X: 11

·         Espaço em disco: 30 GB

·         Placa de Som: Placa de Som compatível com Directx 9 e com os últimos drivers
 



(Requisitos MÍNIMOS de sistema)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Tempo de Opinar | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.