1 de julho de 2015

Minha experiência com aquarela


Pra quem gosta de desenho, ilustração e afins sabe que a internet é um prato cheio de inspirações. É possível ter acesso aos mais diversos tipos de técnicas e artistas, cada um com seu próprio traço e peculiaridade que os tornam tão especiais.
Pras pessoas que gostam apenas de apreciar também é ótimo, pois com os diversos recursos que temos atualmente como o Youtube e Blogs podemos ter um contato mais próximo com os artistas e estar sempre por dentro das últimas novidades.
Eu já estive no papel de espectadora e, hoje em dia não consigo me contentar mais estando apenas nesse papel. Eu nunca fiz nenhum curso de desenho, pintura e nem nada parecido mas sempre tive vontade de tentar, pois pra mim essas coisas sempre soaram como terapia e uma saída de rotina pra mim. Então, quando vi pela primeira vez um speed painting de aquarela, que vou deixar aqui embaixo pra vocês verem qual foi o primeiro que vi, fiquei simplesmente encantada com a técnica.



Não fazia ideia de como ela podia ser tão minimalista e ter tanta personalidade ao mesmo tempo.
Era o que eu achava na época, pelo menos.
Com o passar do tempo fui pesquisando mais e mais sobre a técnica e percebi as diferentes possibilidades que ela poderia trazer.
Quando decidi tentar comecei pelo básico, pois pra quem não sabe, o material pra essa técnica é bem salgado e não existe regra: só da pra saber o que é melhor pra você usar testando os materiais e vendo como cada um se adapta a você. O que eu fiz, então, foi comprar o básico do básico. Comprei um bloco de folhas para aquarela da linha universitária da Canson, pois tinha ouvido falar que era boa para iniciantes, e uma paleta de tinta da Faber Castel, daqueles que a gente usa no pré mesmo haha. Que, aliás, confesso pra vocês que já testei vários pincéis mas o meu preferido ainda é o que vem nessa paletinha haha



Comecei com coisas básicas e fui pesquisando na internet como alcançar os efeitos que queria no meu desenho.
Com o tempo investi em materiais mais caros e em livro de teoria sobre a técnica pra aprender mais. Hoje em dia não saio por aí procurando por um vídeo no youtube pra ver como faz alguma coisa que quero tentar. Procuro tentar sozinha e ver até onde consigo chegar por mim mesma.
Pra mim a melhor maneira de treinar é pegar um desenho pronto na internet e tentar reproduzi-lo na forma de aquarela, por isso, os desenhos que vocês vão ver aqui são apenas reproduções de desenhos que achei interessante tentar pintar, com exceção do desenho do cachorro que desenhei que é o cão de um amigo meu. Fiz o desenho a partir de uma foto que ele me passou.



Posso dizer que minha noção pra técnica aumentou bastante, mas tenho certeza de que ainda faço muita coisa do jeito errado já que eu levo muitas muitas horas ou até mesmo dias pra acabar uma pintura enquanto quem entende mesmo da técnica consegue fazer coisas maravilhosas em poucas horas. Isso significa que eu não estou nem perto de ter aprendido o básico da técnica, mas posso dizer que consigo me virar com o que eu sei, por enquanto.


A internet está recheada de pessoas que querem compartilhar seus conhecimentos sobre a técnica para ajudar a nós, iniciantes. Então, se você se interessa, vale a pena fazer algumas pesquisas aqui e ali para você iniciar suas tentativas também.



Em breve trago aqui pra vocês algumas indicações de sites, canais que me ajudaram a ter mais noção quando comecei.

Espero muito que tenham gostado do post de hoje. E se gostou, não esquece de me contar o que achou nos comentários!!

6 comentários:

  1. Suas aquarelas ficaram lindas, Mel, parabéns ♡. E adorei as suas resenhas de livros. Aliás, parabéns pelo blog ;)

    Beijão

    Paty
    www.booknerd.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrícia!
      Muito obrigada. Fico muito feliz que tenha gostado da aquarela e das resenhas!
      Bjos

      Excluir
  2. Que lindo.. Você desenha muito bem, serio.. Preciso parar de preguiça e tentar aprender a desenhar, acho tão lindo ♥
    Quase Reis | Facebook

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carolina!
      Muito obrigada. Você deveria começar sim, vale muito a pena ^^
      Beijos

      Excluir
  3. Quanto amor em um post! De verdade, Mel, fiquei apaixonada. <3 Se eu levasse o mínimo de jeito pra desenhar, ia me ocupar AGORA procurando as melhores técnicas, mas eu realmente acho que não é pra mim. :/ Ainda assim, sei que minha curiosidade vai falar mais alto e eu vou procurar algo a respeito depois! Mesmo que eu não escolha tentar, tenho certeza que vou adorar ver mais desenhos. Os seus ficaram muito bem feitos, parabéns! O cabelo da menina, no último, cheio de detalhes. :) Beijoss
    Lis <3
    umareescrita.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lisete!
      Obrigada de verdade. É muito bom saber que o que eu faço agradou.
      Recomento muito que você procure mais sobre mesmo. é realmente uma técnica encantadora. Se tiver a oportunidade de tentar qualquer hora, não deixe ela passar, viu?
      Um beijo
      Muito obrigada pela visita

      Excluir

© Tempo de Opinar | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.